quarta-feira, 20 de maio de 2009

Nem tudo está perdido...

...
Reafirmei minha certeza de que não somos apenas invejosos e ressentidos. Nem sempre nos deleitamos na arrogância burra do preconceito e do julgamento, nem contaminamos e estragamos o ambiente físico e emocional em que vivemos, num impulso suicida.
...
Vejo famílias que se cuidam apesar das dissidências, e me animo. Sinto o afeto de amigos e leitores, e me emociono. Encontro raros casais que por uma vida inteira se admiram e acarinham, e penso que nem tudo foi perdido. Acompanho pessoas que em qualquer altura tentam se transformar, recomeçar, e fico mais otimista. O bom e o belo existem. Aqui e ali, uma pessoa descobre paraísos, e os incrementa, e preserva, e os entrega para nosso refúgio.
...
Por falar nisso, conheci recentemente um diminuto paraíso natural: nem Caribe, nem Bali, mas aqui neste nosso Brasil. Se puder, voltarei: ali a mata praticamente intacta nos bota no colo diante do mar tranqüilo. Conforto e aconchego substituem o luxo e a ostentação; existe gentileza, não assédio; alegria, não solenidade; bem estar sem espalhafato.
A pequena enseada é um abraço; o cheiro de mato é um chamado, o mar convida a celebrar a vida numa intimidade com o mundo que a gente esqueceu na agitação cotidiana. Na areia colhem-se conchas que desapareceram das praias povoadas.
...
Afirmo aqui, como se fosse primeiro do ano, minha esperança de que a gente se humanize um pouco, num contraponto à brutalidade, à impunidade e à arrogância.
- Lya Luft -

Observação: foi preciso editar o texto. O original está nas páginas de 91 a 93 do livro “Em outras palavras”.

Até amanhã!

3 comentários:

Su disse...

O Brasil é realmente um encanto, um lugar maravilhoso. Um país que esconde mistérios e segredos...
Beijos, querida!!
Boa noite!!

Aliny disse...

oie miguinha adoro os texto da Lya Luft ...eh verdade nem tudo tah perdido...otima semaninha..Bjinhux

Luzia disse...

Consegui sentir o cheirinho deste "diminuto paraíso"...
Nem tudo está perdido,acredito nisso pq convivo e vejo pessoas que se preocupam com a beleza do "simples" do "bom" ...
beijo pra vc!